PIB da China cresce 18,3% no primeiro trimestre; mercado previa 19,2%

O presidente da China, Xi Jinping / Foto: Ministério de Relações Exteriores da China

São Paulo – O Produto Interno Bruto (PIB) da China cresceu 18,3% no primeiro trimestre deste ano em relação ao mesmo período de 2020, refletindo a recuperação da economia após a crise provocada pelo novo coronavírus no ano passado. Os dados são do departamento oficial de estatísticas do país.

Este é o maior aumento do PIB chinês em base anual registrado desde que os
dados foram publicados pela primeira vez em 1993. O crescimento veio abaixo da
projeção dos analistas, que esperavam alta de 19,2%.

No quarto trimestre de 2020, houve alta de 6,5%. Em base trimestral, o PIB da China aumentou 0,6% no primeiro trimestre deste ano, uma desaceleração após o avanço de 2,6% no período anterior.

Segundo a diretora do departamento de estatísticas da China, Liu Aihua, em coletiva de imprensa, os dados “foram afetado por fatores sem precedentes, como o valor base baixo do ano passado e o aumento dos dias de trabalho devido à permanência do pessoal durante o Festival da Primavera.”

Ela afirmou que a indústria de manufatura chinesa demonstrou um forte impulso de crescimento e o emprego ficou estável em geral, assim como a produção agrícola, com recuperação significativa na produção de suínos.

Por outro lado, “devemos estar cientes de que a covid-19 ainda está se espalhando globalmente e o cenário internacional é complicado com altos níveis de incerteza e instabilidade”, disse

“Os fundamentos da recuperação econômica doméstica ainda precisam ser consolidados, e os problemas estruturais de longa data continuam a ser proeminentes com as novas situações e questões decorrentes do nosso desenvolvimento.”