Não se pode empurras os custos da pandemia para as futuras gerações

132
O ministro da economia, Paulo Guedes, fala à imprensa. (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)

Brasília – O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que é preciso ter compromisso com a sensibilidade social por um lado e manter a responsabilidade fiscal do outro na “guerra” contra o coronavírus. Segundo o ministro, é não se pode “empurrar” os custos com a pandemia para as gerações futuras.

“Saúde e economia vão juntos. Tanto presidente da Senado, Rodrigo Pacheco, quando o Câmara, Arthur Lira disseram claramente que nós precisamos ter responsabilidade social de um lado vendo os efeitos da pandemia que ainda ameaçam os brasileiros, mas, de outro lado, ter compromisso com a responsabilidade fiscal. Temos um compromisso com as futuras gerações. O Brasil tem que arcar com a guerra e não empurrar os custos pras futuras gerações”, afirmou a jornalistas.