Governo não irá estender o auxílio emergencial, diz Guedes

Entrevista coletiva do ministro da economia, Paulo Guedes. (Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

Brasília – O ministro da Economia, Paulo Guedes, reafirmou que o governo não vai estender o auxílio emergencial após 31 de dezembro, data na qual o auxílio será extinto. Guedes participou de evento virtual da empresa Empiricus.

“Do ponto de vista do governo, não existe a prorrogação do auxílio emergencial. Evidente que há pressão política, muita gente falando em segunda onda. Nós estamos preparados para reagir se houver uma segunda onda, já sabemos como reagir”, afirmou o ministro.