Casos globais de covid-19 superam 141,5 milhões, diz Johns Hopkins

Homem com máscara usando aplicativo de celular / Foto: União Europeia (UE)

São Paulo – O número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus no mundo superou os 141,5 milhões, segundo dados compilados pela Universidade Johns Hopkins, e agora soma 141.507.607. As mortes globais por covid-19 totalizam 3.021.912.

Nos Estados Unidos, país que possui o maior número de contaminações e de mortes no mundo, as infecções somam 31.670.706. O país reportou 42.018 novos casos da doença em 24 horas, abaixo dos 60.865 registrados um dia antes. As mortes por covid-19 somam 567.214.

Depois dos Estados Unidos, a India tem o maior número de infecções provocadas pelo novo coronavírus, com 15.061.805 casos, e 178.769 óbitos. O Brasil, que aparece em terceiro lugar em número de casos de covid-19, tem 13.943.071 infectados. As mortes no país totalizam 373.335.

A França tem o maior número de casos da Europa e o quarto maior do mundo, totalizando 5.350.521 infeções, com 100.892 mortes. O Reino Unido, por sua vez, tem 4.403.060 infecções e 127.518 óbitos pela doença, seguido pela Itália, com 3.870.131 casos e 116.927 mortes.

O sistema de contagem da Johns Hopkins compila informações da Organização Mundial da Saúde, do Centro de Controle de Doenças norte-americano e do Centro de Controle e Prevenção de Doenças europeu, além de relatos da mídia, de departamentos locais de saúde e comunicados online de médicos e outros profissionais da saúde.