Papéis de educação, varejo e aéreas saltam com aceleração de vacinação

Foto: Wagner Magni / freeimages.com

São Paulo – As ações dos setores de educação, varejo, shoppings centers e aviação mostram as maiores altas do Ibovespa nesta manhã refletindo a aceleração da vacinação contra a covid-19 em alguns estados como o de São Paulo.

Ontem, o governador de São Paulo, João Dória, anunciou uma nova antecipação no cronograma de vacinação da população adulta (acima de 18 anos), com o encerramento sendo antecipado em 33 dias, para 15 de setembro. A mudança foi motivada pela entrega adiantada de 3 milhões de doses de vacinas da Janssen, além dos quantitativos previstos pelo Ministério da Saúde para as vacinas da Pfizer, AstraZeneca e Sinovac.

“As ações ligadas à educação sobem por conta da possibilidade de volta às aulas”, disse o analista sênior da plataforma sim;paul, Luiz Henrique Wickert, que afirma que o mesmo ocorre com shoppings, destacando que já no fim de semana a movimentação nos shoppings foi intensa, reflexo também por conta do Dia dos Namorados.

O analista da Terra Investimentos, Régis Chinchila, também destacou que “investidores estão comprando ações com foco na antecipação do calendário de vacinação em São Paulo, o que sustenta ganhos de ações de operadoras de shopping, varejistas e relacionadas a viagens”.

Às 12h49 (horário de Brasília), as ações da Cogna (COGN3 + 10,13%) mostravam a maior alta do Ibovespa, seguida da B2W (BTOW3 + 4,17%), Multiplan (MULT3 +3,79%), Yduqs (YDUQ3 + 3,56%), Azul (AZUL4 + 3,52%) e Lojas Renner (LREN3 + 3,40%).