Subsidiárias da Petrobras pagarão US$ 70 milhões à IESA Óleo e Gás

189
Foto: Divulgação/Petrobras

São Paulo – A Petrobras informa que um tribunal arbitral, com sede em Nova Iorque, emitiu sentença em arbitragem iniciada pela IESA Óleo e Gás S.A. determinando o pagamento de cerca de US$ 37 milhões, mais juros, pela subsidiária integral Petrobras Netherlands B.V. e o pagamento de cerca de US$ 33 milhões, mais juros, pela subsidiária Tupi B.V.

A arbitragem, que corre sob confidencialidade, tinha como objeto um contrato de Engineering Procurement and Construction (EPC) para a construção de módulos para plataformas (FPSOs).

“O valor referente à condenação da PNBV encontrava-se provisionado pela subsidiária, estando refletido nas demonstrações financeiras da Petrobras referentes ao 3º trimestre de 2020. Já o valor referente à participação na Tupi B.V. será provisionado e reconhecido no resultado consolidado da Petrobras do 4º trimestre de 2020”, disse a Petrobras em comunicado.

Bruno Soares / Agência CMA