Radar do dia: Medidas de restrição, vacina e impactos da covid

147

São Paulo – Os mercados abrem o dia em território negativo com investidores monitorando as notícias sobre as vacinas e os efeitos de uma nova onda de infecções por covid-19 na Europa e também nos Estados Unidos.

Ontem, a prefeitura de Nova York, nos Estados Unidos, anunciou que suspenderá as aulas presenciais a partir de hoje depois que a taxa de testes positivos para a covid-19 atingiu o limite de 3%, uma das regras estabelecida pelo município para o fechamento das escolas públicas.

Na Europa, os países do bloco e o parlamento europeu chegaram a um acordo para destinar 47,5 bilhões de euros nos próximos dois anos para combater os impactos da pandemia do novo coronavírus, por meio de fundos estruturais do bloco europeu.

No Brasil, o ministro da Economia voltou a afirmar que o governo não irá romper o teto de gastos. Guedes afirmou que ao fazer isso, o Brasil voltaria à estagnação vivida nos últimos 40 anos.

A Fitch reafirmou a nota de crédito soberano (rating) de longo prazo em moeda estrangeira do Brasil em “BB-“, mantendo a perspectiva negativa. Segundo a agência de classificação de risco, a avaliação do país é sustentada pelo tamanho e diversificação da economia brasileira, entre outros fatores, sendo contrabalançado pelo “alto e crescente” endividamento do governo.

Na agenda do dia, o mercado deve ficar atento às iniciativas na Câmara para aumentar e prolongar o auxílio emergencial e à participação do ministro da Economia, Paulo Guedes, num evento às 17h.

Em âmbito corporativo, O conselho de administração da BR Malls aprovou a emissão de 50 mil debêntures, em série única, não conversíveis em ações, com valor unitário de R$ 10 mil, perfazendo um total de R$ 500 milhões.

O conselho de administração da CCR aprovou a emissão de 960 mil debêntures simples, não conversíveis em ações, em duas séries, com valor nominal de R$ 1 mil, totalizando um montante de R$ 960 milhões.

A Companhia de Concessões Rodoviárias (CCR) aprovou emissão de debêntures simples, de R$ 960 milhões, em qualquer data a partir de 15 de dezembro (a ser definida na escritura), em duas séries, de 960.000 e 480.000 debêntures em cada uma, com valor nominal unitário de R$ 1 mil reais. As debêntures serão da espécie quirografária, emitidas sob a forma escritural, sem emissão de certificados ou cautelas, não conversíveis em ações de emissão da companhia e nem permutáveis em ações de outra empresa.

A farmacêutica norte-americana Pfizer e o laboratório alemão BioNTech propuseram ao governo brasileiro um plano de vacinação contra a covid-19 que inclui milhões de pessoas no primeiro semestre de 2021. As informações são da agência de notícias “Sputnik”.

Após receber a aprovação, com restrições, do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) para vender a Liquigás ao grupo composto pela Itaúsa, Copagaz e Nacional Gás, a Petrobras informou que o valor da operação, de R$ 3,7 bilhões, está sujeito a ajustes e será pago à companhia na data do fechamento da operação. A venda de sua subsidiária integral ocorrerá mediante a assinatura de acordo proposto pelas adquirentes para atender às preocupações de natureza concorrencial identificadas pelo Cade.

Em fato relevante, a Itaúsa informou que, caso a operação seja concluída ainda em 2020, não se espera que esta acarrete efeitos significativos nos resultados da companhia neste exercício social.

O exercício de opções sobre o Ibovespa movimentou R$ 7,001 bilhões, ao negociar 68.955 contratos, um resultado 27,0% menor do que o registrado em outubro, de R$ 9,592 bilhões. Do volume total exercido, R$ 6,888 bilhões referem-se a opções de compra e R$ 113,229 milhões em opções de venda.

A Yduqs informou que a gestora de fundos Vontobel com sede em Zurique, na Suiça, aumentou sua posição agregada na companhia, de 14.596.372 ações ordinárias, correspondentes a 4.7224% de participação acionária, para 15.923.572, que representam 5,15% do capital social total.

A demanda por voos da Gol aumentou 34% em outubro na comparação com o mês anterior, mas representaram 52% do realizado no mesmo período do ano passado, refletindo as restrições ao tráfego aéreo decorrentes da pandemia de covid-19.

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou o ato de concentração referente à aquisição, pela Seara, dos setores de maioneses e margarinas da Bunge. Por meio da operação, a Seara adquiriu a capacidade produtiva (fábricas), algumas marcas dos produtos e outros ativos da Bunge.