Produção recorde de petróleo nos EUA impulsiona oferta global, aponta AIE

497
Foto: Troy Stoi/ freeimages.com

São Paulo – Os Estados Unidos estão produzindo mais petróleo do que nunca, superando Arábia Saudita e Rússia, conforme indica o relatório mensal da Agência Internacional de Energia (AIE), divulgado nesta terça-feira. A oferta global deve atingir um recorde de 101,8 milhões de barris por dia este ano, impulsionada pelo aumento da produção nos EUA, Brasil e Guiana.

Os EUA lideram a produção, ultrapassando Rússia e Arábia Saudita em 1,2 milhões de barris por dia em comparação com o ano anterior. A produção dos EUA deve alcançar 19,3 milhões de barris por dia este ano, projetando-se um crescimento mais lento em 2024, chegando perto da marca de 20 milhões de barris por dia até o final do ano.

A demanda por petróleo nos EUA e China é forte, com a China esperando um aumento de 1,8 milhões de barris por dia este ano. A demanda total nos EUA pode atingir 20,18 milhões de barris por dia até o final de 2023.

Apesar do cenário positivo, a AIE prevê uma moderação na oferta e demanda em 2024, devido ao crescimento econômico global mais lento e taxas de juros elevadas. A oferta global deve subir para 103,4 milhões de barris por dia, com a demanda atingindo uma média de 102,9 milhões de barris por dia, resultando em um pequeno superávit.