PMI do setor de serviços dos EUA cai a 57,6 pontos em dez após revisão

683
Foto: FreeImages.com / Lisa Setrini-Espinosa

São Paulo – O índice dos gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) sobre a atividade do setor de serviços dos Estados Unidos caiu para 57,6 pontos em dezembro, de 58,0 pontos em novembro, de acordo com dados revisados divulgados pelo instituto de pesquisas IHS Markit. A leitura preliminar havia mostrado 57,5 pontos.
Os analistas esperavam 57,3 pontos em dezembro. Números acima de 50 sugerem expansão da atividade, enquanto valores menores apontam contração. O PMI composto, que agrega dados dos segmentos industrial e de serviços, caiu para 57,0 pontos em dezembro, de 57,2 pontos em novembro. A leitura preliminar havia mostrado 56,9 pontos.
“O crescimento da atividade empresarial do setor de serviços permaneceu forte em dezembro, apoiando as indicações de um sólido aumento do crescimento econômico no final de 2021. Embora a expansão da produção tenha se atenuado ligeiramente, o fluxo de novos pedidos acelerou, com a demanda de clientes crescendo pelo ritmo mais rápido por cinco meses”, disse o economista sênior da IHS Markit, Sian Jones.
“O setor de serviços continuou a auxiliar o crescimento geral, já que o setor manufatureiro viu a produção novamente prejudicada pela escassez de materiais e mão de obra. O impacto deste último, no entanto, teve um efeito crescente sobre os prestadores de serviços, uma vez que a criação de empregos aumentou em um ritmo apenas marginal em meio a desafios em manter o pessoal e atrair novos contratantes”, acrescentou.