GPA negocia venda de postos de combustíveis e sede

126

São Paulo, 23 de fevereiro de 2024 – O Grupo Pão de Açúcar (GPA) divulgou um comunicado em resposta a notícias vinculadas na mídia acerca da venda de postos de gasolina e do imóvel da sua sede administrativa.

“Temos informado o mercado acerca dos avanços no plano para redução da alavancagem financeira por meio da venda de ativos non core e melhoria de eficiência na alocação de capital. Dentro deste contexto, a companhia tem negociações em curso que objetivam a venda de postos de gasolina localizados em diversas regiões do Brasil, por meio de várias transações com diferentes potenciais compradores, e do imóvel onde está localizada nossa sede administrativa na cidade de São Paulo. De acordo com a avaliação interna da companhia, a soma da venda destes ativos pode atingir montantes entre R$ 400 a R$ 450 milhões”, explicou o GPA.

No entanto, a companhia esclareceu que, até o momento, não celebrou qualquer acordo vinculante para a venda dos postos e/ou da sede, tendo apenas se antecipado na submissão ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) dos atos de concentração para a venda de determinados postos, que não representam valores relevantes.

“Os termos e condições de tais vendas ainda estão em negociação e sua conclusão depende do cumprimento de certas condições, incluindo a celebração dos contratos definitivos”, concluiu o comunicado.