EUA podem evitar epidemia de coronavírus, diz Trump

201
Fórum Davos Donald Trump
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. (Foto: Divulgação/ Casa Branca)

São Paulo – O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou que o país está “bem preparado” para enfrentar uma possível epidemia de coronavírus, mas disse acreditar que é possível evitá-la.

“Eu não acredito que uma epidemia é inevitável. Acho que é possível acontecer. Pode ser que seja em um nível menor ou maior”, disse ele durante anúncio à imprensa feito ontem à noite. “Estamos prontos, dispostos e temos recursos. O que acontecer ficará sob nosso controle”.

Trump também anunciou a nomeação do vice-presidente norte-americano, Mike Pence, como líder da força tarefa contra o coronavírus no país. Pence irá reportar a ele, mas deve coordenar sozinho os grupos de ação do governo nas medidas contra uma epidemia no país.

“Pence criou um bom esquema para seguradoras de saúde em Indiana quando era governador e conhece muito sobre o assunto. Confio totalmente nele para lidar com esse desafio”, disse o presidente.

Pence disse que as medidas tomadas por Trump no início do surto de coronavírus, proibindo a entrada de pessoas vindas da China no país e fazendo exames em passageiros que voltassem de áreas atingidas pelo vírus, foi “essencial para conter rapidamente uma epidemia maior no país”.

Segundo ele, a ideia agora é continuar com tais medidas e procurar por novos medicamentos. O secretário de Saúde norte-americano, Alex Azar, afirmou que os 15 norte-americanos infectados pelo vírus no país estão “bem” e “apenas um ainda está hospitalizado em estado mais grave”. Além disso, existem mais três pessoas repatriadas da China e 42 norte-americanos que estavam no cruzeiro Diamond Princess.