Confiança do setor de serviços interrompe 5 altas e cai em outubro

190
restaurante, ibge, serviços
Foto: Tânia Rego/Agência Brasil

São Paulo, 29 de outubro de 2020 – O índice de Confiança do setor de Serviços (ICS) interrompeu cinco altas seguidas e caiu em outubro, em 0,4 ponto em relação a setembro, a 87,5 pontos, conforme dados divulgados pela Fundação Getulio Vargas (FGV). Com o resultado, o indicador afasta-se um pouco mais do nível pré-pandemia.

O economista da FGV/IBRE Rodolpho Tabler observa que a ligeira variação negativa do indicador neste mês reflete uma acomodação, após cinco altas consecutivas. Para ele, a cautela dos consumidores e a incerteza sobre a evolução da pandemia sugerem que o setor ainda enfrentará dificuldades para retornar ao ritmo observado no início do ano.

A abertura do dado mensal mostra que houve queda da confiança do setor em seis das 13 atividades pesquisadas e foi determinada pela piora da avaliação em relação ao futuro, enquanto a visão sobre o presente avançou.

Em base mensal, o Indice de Situação Atual (ISA) cresceu 2,6 pontos, a 79,5 pontos, mantendo a tendência crescente iniciada em maio, enquanto o Indice de Expectativas (IE) caiu 3,2 pontos, a 95,7 pontos, voltando-se a se situar abaixo do nível pré-pandemia, em fevereiro. Já o Nível de Utilização da Capacidade (NUCI) do setor de serviços recuou 0,5 ponto percentual (pp), a 81,3%.

A edição deste mês coletou informações de 1.506 empresas entre os dias 1 e 27. A próxima divulgação da sondagem de serviços será em 30 de novembro.