Caixa renegocia R$ 54 milhões em dívidas em três dias do Desenrola Brasil

661
Foto: Divulgação/Caixa Econômica Federal

São Paulo – A Caixa Econômica Federal informou que já renegociou mais de R$ 54 milhões em dívidas nos três primeiros dias do programa Desenrola Brasil. Foram mais de 22 mil clientes atendidos pelo banco público e 10 mil contratos fechados. Ainda há espaço para aumentar o número de renegociações uma vez que a Caixa informa que tem 13 milhões de clientes com dívidas.

Segundo a presidente da Caixa, Rita Serrano, o acesso à página do banco na internet subiu de 69 mil acessos diário para mais de 1 milhão “e a maioria procurando informações do Desenrola”. Segundo Serrano, 225 mil clientes tiveram suas dívidas de até R$ 100 “desnegativadas” desde segunda-feira – a dívida permanece ativa e pode ser renegociada. As informações foram divulgadas em vídeos no perfil da executiva nas redes sociais e à imprensa nesta sexta-feira.

Rita Serrano acrescentou que o banco ampliou de 96 para 120 meses o prazo máximo para o pagamento das prestações da renegociação, o que dá dez anos. “As pessoas terão duas opções. Elas podem fazer a quitação da dívida com 90% de desconto ou elas podem parcelar isso em 120 meses”, explicou a presidente, que visitou uma agência da Caixa no Guará, região administrativa do Distrito Federal (DF).

“Estamos abrindo todas as agências do país uma hora mais cedo e inclusive temos um caminhão-agência em Santos [SP] em local estratégico para atender. Então há uma expectativa nossa de ter um público grande para renegociar dívida”, completou.

O programa criado pelo governo federal visa renegociar dívidas de pessoas com nome negativado na tentativa de reativar o consumo no país e estimular a economia.

Com informações da Agência Brasil.