Biden diz que não irá retirar sanções do Irã como forma de atraí-lo para pacto nuclear

136
O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden / Foto: Casa Branca

44São Paulo — O presidente norte-americano, Joe Biden, disse que os Estados Unidos não oferecerão sanções como forma de atrair o Irã de volta à mesa de negociações sobre o programa nuclear do país.

Biden, em entrevista à rede de televisão “CBS” ontem, indicou que o Irã teria que parar de enriquecer urânio antes que seu governo suspendesse as sanções.

Quando questionado se os Estados Unidos dariam um fim às sanções para trazer o Irã de volta à mesa de negociações, Biden disse “não”.

As tensões entre Washington e Teerã aumentaram após a retirada do ex-presidente Donald Trump do acordo nuclear entre os países.

O Plano de Ação Conjunto Global de 2015, intermediado pelo governo do ex-presidente Barack Obama, suspendeu as sanções contra o Irã que prejudicaram sua economia e cortaram suas exportações de petróleo quase pela metade. Em troca do alívio das sanções, o Irã aceitou limites em seu programa nuclear até que os termos expirassem em 2025.

Os Estados Unidos e seus aliados europeus acreditam que o Irã tem ambições de desenvolver uma bomba nuclear. Teerã negou essa acusação.

Trump retirou os Estados Unidos do JCPOA em 2018, chamando-o de “pior negócio de todos os tempos”

Após a saída de Washington do acordo nuclear histórico, outros signatários do pacto – França, Alemanha, Reino Unido, Rússia e China – tentaram manter o acordo vivo.

Teerã se recusou a negociar enquanto as sanções norte-americanas permanecerem em vigor.

O líder supremo do Irã, aiatolá Ali Khamenei, reiterou no domingo que Teerã só voltaria a cumprir o acordo nuclear de 2015 quando Washington suspendesse as sanções, informou a TV estatal iraniana.

“O Irã cumpriu todas as suas obrigações sob o acordo, não os Estados Unidos e os três países europeus. Se eles querem que o Irã retorne aos seus compromissos, os Estados Unidos devem, na prática suspender todas as sanções”, disse a TV estatal. Khamenei como dizendo.

“Então, depois de verificar se todas as sanções foram levantadas corretamente, retornaremos ao cumprimento total”, acrescentou ele.