Petrobras inicia aquisição sísmica para monitoramento no pré-sal

São Paulo – A Petrobras iniciará no próximo dia 13 a primeira de duas aquisições sísmicas do projeto de monitoramento do campo de Sapinhoá, no pré-sal da Bacia de Santos.

Segundo a estatal, a aquisição sísmica é uma ferramenta importante de gerenciamento da jazida (reservatórios) e de otimização dos sistemas de produção, buscando maximizar o valor dos ativos através do aumento do fator de recuperação das jazidas.

O contrato firmado com a empresa Seabed Geosolutions do Brasil contempla a aquisição e processamento geofísico 3D e 4D, com investimentos totais de cerca de US$ 118 milhões.

A sísmica base (3D), com 575 km/2 de área, está sendo iniciada este mês, e a aquisição sísmica monitora (4D), com 478 km² de área, está prevista para início em 2024.

Bruno Soares / Agência CMA

Copyright 2021 – Grupo CMA