IGP-M cai 0,91% na segunda prévia de setembro

550
Águas Claras, Brasília / Foto: Andre Borges/Agência Brasília.

O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) caiu 0,91% no segundo decêndio de setembro, após queda de 0,57% no mesmo período do mês anterior. Com este resultado, a taxa acumulada em 12 meses passou de 8,73% para 8,29%.

O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) caiu 1,22% no segundo decêndio de setembro, ante queda de 0,50% no segundo decêndio de agosto. Na análise por estágios de processamento, os preços dos Bens Finais passaram de -0,58% em agosto para -0,60% em setembro. A maior contribuição para este resultado partiu do subgrupo combustíveis para o consumo, cuja taxa passou de -5,30% para -6,90%. O índice referente a Bens Intermediários caiu -1,27% no segundo decêndio de setembro, contra queda de 0,31% no segundo decêndio de agosto.

A taxa do grupo Matérias-Primas Brutas passou de -0,63% no segundo decêndio de agosto para -1,71% em igual período de setembro.

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) variou -0,12% no segundo decêndio de setembro, contra queda de 1,43% no segundo decêndio de agosto.

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) variou 0,07% no segundo decêndio de setembro. No mês anterior, o índice foi de 0,54%. Os três grupos componentes do INCC apresentaram as seguintes variações na passagem do segundo decêndio de agosto para o segundo decêndio de setembro: Materiais e Equipamentos (0,26% para -0,17%), Serviços (0,72% para 0,44%) e Mão de Obra (0,75% para 0,22%).