Gol cria Comitê Especial Independente para supervisionar recuperação judicial

199
Foto divulgação: Gol Linhas Aéreas

São Paulo, SP – A Gol informou que seu Conselho de Administração a aprovou a criação de um Comitê Especial Independente, que será composto por Marcela de Paiva Bonfim Teixeira, Timothy Robert Coleman e Paul Stewart Aronzon,

Segundo o comunicado, o Comitê atuará como um órgão consultivo do Conselho de Administração, com poderes e autoridade para avaliar, revisar, planejar, supervisionar negociações e apresentar recomendações sobre quaisquer assuntos decorrentes ou relacionados aos procedimentos do Chapter 11 iniciados pela companhia.

Além disso, a empresa também confirmou a nomeação de Joseph Wilfred Bliley IV, para o cargo de diretor de Reestruturação (Chief Restructuring Officer).

RECUPERAÇÃO JUDICIAL

A companhia informou ontem que entrou voluntariamente com pedido de Chapter 11 no Tribunal de Falências dos Estados Unidos para o Distrito Sul de Nova York (Tribunal dos EUA). A empresa disse que assegurou US$ 950 milhões em financiamento para apoiar os negócios.

O Chapter 11 é um processo legal dos Estados Unidos utilizado pelas empresas para levantar capital, reestruturar as finanças e fortalecer operações comerciais no longo prazo, enquanto continuam a operar normalmente.

A Gol inicia o processo legal nos Estados Unidos com um compromisso de financiamento de US$ 950 milhões, na modalidade debtor in possession (DIP) por membros do Grupo Ad Hoc de Bondholders da Abra e outros Bondholders da Abra.

Em nota, a Gol disse que buscará acesso a esse financiamento como parte da audiência do Primeiro Dia com o Tribunal dos EUA, prevista para os próximos dias. O financiamento está sujeito à aprovação judicial e, juntamente com o caixa gerado pelas operações em curso, fornecerá liquidez substancial para apoiar as operações, que seguem normalmente, durante o processo de reestruturação financeira.