“Estamos noivando”, diz Regina Duarte sobre Secretaria de Cultura

493
Bandeira do Brasil (Foto: Cesar Firmino / FreeImages)

Por Gustavo Nicoletta

São Paulo – A atriz Regina Duarte estará em Brasília na quarta-feira (22) para conhecer a Secretaria Especial de Cultura do governo federal, segundo informações divulgadas pelo Palácio do Planalto.

“Estamos noivando”, teria dito a artista, que é cotada para assumir o comando da secretaria após a demissão de Roberto Alvim.

Na madrugada da última sexta-feira (17), Alvim publicou um vídeo com um discurso em que praticamente copiava um pronunciamento do ministro da Propaganda nazista, Joseph Goebbels, atraindo diversas manifestações de repúdio. No mesmo dia, o presidente Jair Bolsonaro anunciou a exoneração do secretário.

Alvim declarou que “a arte brasileira da próxima década será heroica e será nacional. Será dotada de grande capacidade de envolvimento emocional e será igualmente imperativa, posto que profundamente vinculada às aspirações urgentes de nosso povo, ou então não será nada”.

O ministro alemão havia declarado que “a arte alemã da próxima década será heroica, será ferreamente romântica, será objetiva e livre de sentimentalismo, será nacional com grande páthos e igualmente imperativa e vinculante, ou então não será nada”.

Em nota, Bolsonaro disse que o pronunciamento de Alvim foi “infeliz” e que a fala do ex-secretário “tornou insustentável a sua permanência”.

“Reitero nosso repúdio às ideologias totalitárias e genocidas, bem como qualquer tipo de ilação às mesmas. Manifestamos também nosso total e irrestrito apoio à comunidade judaica, da qual somos amigos e compartilhamos valores em comum”, acrescentou o presidente na nota em que anunciou a saída de Alvim do cargo.

A atriz Regina Duarte manifestou publicamente apoio a Bolsonaro nas últimas eleições.