Eletrobras vende térmicas para Âmbar Energia por R$ 4,7 bilhões

53

São Paulo, SP – A Eletrobras concluiu juntamente com suas subsidiárias Eletronorte e Furnas, a assinatura de acordos com o grupo Âmbar Energia para a alienação do portfólio termoelétrico da companhia por valor total de R$ 4,7 bilhões, dos quais R$ 1,2 bilhão
de earn-out, e a assunção imediata pela Âmbar do risco de crédito dos contratos de energia deste portfólio.

“A alienação dos ativos resulta de um processo competitivo, com alto engajamento, iniciado em julho de 2023. O resultado do processo possibilitou à companhia maximizar a valoração de seus ativos com adequada alocação de risco, eliminando imediatamente os impactos da inadimplência relacionados aos contratos de venda de energia”, destacou o comunicado.

O perímetro da transação inclui os últimos ativos termoelétricos em operação da companhia, além dos direitos de reversão dos PIEs (Produtores Independentes de Energia), com capacidade instalada total de 2 GW e prazo médio de contratação de cerca de 2 anos (UTE Santa Cruz) e de cerca de 6 anos (perímetro Eletronorte). O portfólio será transferido sem nenhuma dívida ou caixa. Em termos de contribuição para resultado consolidado, os ativos registraram em 2023 uma receita liquida de R$ 2,4 bilhões e Ebitda de R$ 1,1 bilhão.

Em paralelo e seguindo o plano de otimizações e gestão de riscos, a Eletrobras fechou dois
acordos adicionais com o grupo Âmbar Energia. Na hipótese de uma operação subsequente envolvendo transferência do controle da distribuidora, contraparte dos contratos de energia dos ativos termoelétricos, a Eletrobras cederá a totalidade dos créditos contra a distribuidora para a Âmbar. Em contrapartida, a Companhia terá uma opção de compra possibilitando a captura do benefício econômico fruto da recuperação operacional e financeira da distribuidora.

Em complemento ao fato relevante divulgado em 8 de setembro de 2023, as partes concordaram em aditar a opção de compra referente ao complexo eólico Baleia. O
aditamento permite à companhia assumir o resultado integral do direito de recebimento

Por fim, a companhia ressaltou que as transações estão sujeitas a condições precedentes usuais de mercado. As iniciativas reforçam o compromisso da companhia de mitigar riscos operacionais e financeiros, avançar na otimização de seu portfólio e alocação de capital. Por fim, com esta transação a Eletrobras acelera o atingimento de sua meta Net Zero 2030.