Conselho da Cielo aprova novo programa de recompra de até ações

218
Divulgação: Logo da Cielo

São Paulo – O conselho de administração da Cielo aprovou um novo programa de recompra de até 2,595 milhões de ações ordinárias, em complemento ao aprovado no começo do ano, com prazo de vigência de 25 de junho a 3 de julho de 2020.

A operação será realizada a preço de mercado e tem por objetivo fazer frente aos compromissos no âmbito dos programas de remuneração, retenção e incentivo de seus colaboradores e administradores.

Para o colegiado, a empresa se encontra numa situação financeira compatível com a possível execução do programa nas condições aprovadas e se sentem confortáveis de que a recompra de ações não prejudicará o cumprimento das obrigações assumidas com credores nem com o pagamento de dividendos obrigatórios mínimos.