Confiança da indústria sinaliza queda pelo quarto mês seguido, aponta prévia da FGV

A prévia do Índice de Confiança da Indústria (ICI) sinaliza queda pelo quarto mês consecutivo. Segundo a Fundação Getúlio Vargas (FGV), a confiança do empresariado industrial deve recuar 1,1 ponto em abril em relação ao dado final de março, para 103,1 pontos, mantendo-se nos níveis mais baixos desde agosto do ano passado.

Segundo a FGV, a redução da confiança neste mês é consequência da piora da avaliação dos empresários em relação à situação presente, ao passo que as expectativas para os próximos meses mantiveram-se estáveis.

Em base mensal, o Índice da Situação Atual (ISA) indica queda de 2,3 pontos, a 109,1 pontos, enquanto o Índice de Expectativas (IE) deve continuar em 97,1 pontos. Já o Nível de Utilização da Capacidade Instalada da Indústria (Nuci) sinaliza queda de 2,7 pontos percentuais (pp), a 75,6%, para o menor nível desde agosto de 2020. 

Para a prévia deste mês foram consultadas 783 empresas entre os dias 1 e 20. O resultado final da pesquisa será divulgado na próxima quinta-feira (dia 29).