Azul e Latam anunciam voos comerciais em Canoas (RS)

168

São Paulo – As companhias aéreas Azul e Latam anunciaram operações na base aérea de Canoas, no Rio Grande do Sul, em resposta ao alagamento do Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre (RS), que interrompeu suas operações por tempo indeterminado. Os voos partem de/para Campinas e São Paulo (SP).

A operação regular da Azul na base aérea de Canoas começa em 1º de junho, com possibilidade de antecipação. Os voos acontecerão diariamente de/para o Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP) de onde os clientes poderão se conectar com centenas de destinos nacionais e internacionais operados pela companhia.

A operação partirá do Aeroporto Internacional de Viracopos, principal hub da companhia, às 8h15, chegando em Canoas às 10h. Os voos de retorno partirão às 11h30, com chegada prevista às 13h15, em Campinas, com aeronaves Embraer E1-195. Vale destacar que, desde o mês passado, a companhia reforçou sua operação com voos extras para aeroportos alternativos no estado: Pelotas, Santa Maria, Santo Ângelo e Uruguaiana, com saídas de Viracopos e Curitiba.

Para essas operações, o local de embarque e desembarque será o ParkCanoas Shopping, que servirá como base para atendimento dos clientes. Com isso, a Azul orienta que os clientes se apresentem no local com antecedência de 3 horas ao horário da decolagem, já que o check-in será encerrado 90 minutos antes das partidas dos voos.

Com uma frota diversificada e flexível, a Azul é capaz de adaptar suas operações em situações complexas, como a que estamos vivendo atualmente na Região Sul. Atualmente, o foco está em estabelecer soluções de conectividade que garantam o acesso ao transporte aéreo para os Clientes no Rio Grande do Sul. Queremos minimizar os transtornos e assegurar que as necessidades de viagem dos gaúchos sejam atendidas de alguma forma, afirmou Fábio Campos, Diretor de Relações Institucionais da Azul.

Com a suspensão das atividades no Aeroporto Internacional Salgado Filho, a Azul também anunciou 110 operações extras para o mês de junho de 2024, realocando aeronaves para novas rotas no Brasil. A malha aérea da Azul é robusta e versátil, permitindo-nos responder rapidamente a situações adversas e garantir a continuidade dos serviços. Nosso compromisso é sempre oferecer conectividade e suporte aos nossos Clientes, especialmente em momentos críticos como este, avalia o executivo.

As vendas já estão disponíveis no site da Azul, na central de vendas ou nas agências de viagens parceiras.

LATAM

A Latam anuncia que iniciará em 27 de maio a sua operação comercial excepcional de passageiros na Base Aérea de Canoas (RS). Em breve, estarão disponíveis em latam.com e demais canais as passagens aéreas da companhia para o seu voo diário na rota Guarulhos-Canoas-Guarulhos e os 5 voos semanais (exceto quartas e sábados) na rota Congonhas-Canoas-Congonhas. Os voos serão operados em aeronaves Airbus A320, com capacidade para até 176 passageiros.

A Latam reforça que a operação comercial na Base Aérea de Canoas (RS) é temporária e excepcional, em função dos impactos das enchentes no Rio Grande do Sul. Desta forma, a companhia pede a compreensão e atenção dos passageiros sobre as características atípicas dessa operação na comparação com um aeroporto comercial.

Os embarques e desembarques dos voos comerciais na Base Aérea de Canoas serão realizados por ônibus de forma remota e todo o processo de atendimento será feito diariamente das 6h às 18h e de forma adaptada no andar térreo do ParkShopping Canoas (Av. Farroupilha, 4545). O check-in de cada voo será encerrado uma hora antes da decolagem.

Por isso, a Latam orienta que o cliente fique atento às sinalizações dentro do ParkShopping Canoas e se apresente com 2 horas de antecedência do seu voo, dando preferência para o check-in automático pelo site e aplicativo da companhia.

Lojas e demais serviços do ParkShopping Canoas estarão abertos das 10h às 22h.

Adicionalmente, a LATAM opera de 10 a 31 de maio uma malha aérea emergencial com 126 voos extras entre São Paulo (SP) e os aeroportos de Jaguaruna (SC), Florianópolis (SC) e Caxias do Sul (RS). A medida foi tomada para manter Porto Alegre (RS) e a sua região metropolitana conectada com o restante do Brasil e atendida em suas necessidades de transporte de pessoas e cargas por meio de aeroportos próximos.

Todos os passageiros da Latam com voos programados de/para Porto Alegre (POA) até 31 de julho podem alterar a sua viagem sem custos. A companhia solicita que o cliente nestas condições dê preferência para alterar a sua viagem de forma online. Basta acessar diretamente a seção Minhas Viagens do site latam.com. Nesta seção, o cliente pode alterar sem custos a sua passagem originalmente de/para Porto Alegre (POA) para uma nova viagem de/para Caxias do Sul (CXJ), Passo Fundo (PFB), Florianópolis (FLN), Jaguaruna (JJG), Navegantes (NVT) ou Canoas (QNS). Se preferir, pode solicitar o reembolso integral do valor pago pelo bilhete.

Já o cliente com viagem programada de/para Caxias do Sul (CXJ) ou Passo Fundo (PFB), deve conferir o Status do Voo antes de se dirigir ao aeroporto de embarque. A operação nesses dois destinos permanece normal até o momento.

AJUDA HUMANITÁRIA

Além de ajustar sua malha aérea, a Azul tem desempenhado um papel crucial na ajuda humanitária ao Rio Grande do Sul. Desde o início das operações de auxílio, a companhia encabeçou movimento de arrecadação que chegou a receber e transportar mais de 2.600 toneladas de doações. Desse total, quase 2.000 toneladas já foram enviadas por meio de sua malha aérea, rodovias e pelo mar, com apoio de parceiros e da Marinha do Brasil, para garantir que os donativos chegassem rapidamente aos necessitados. A companhia continuará a enviar donativos por meio dos novos voos para Canoas, nos compartimentos de carga da aeronave.

Para dar continuidade ao suporte às comunidades afetadas, a Azul criou um Fundo Social Humanitário, que será utilizado para prestar apoio às pessoas impactadas pela tragédia climática no Rio Grande do Sul e para futuras crises. As doações podem ser feitas via transação bancária (Banco Itaú, Ag. 0910, C/C 0099704-8, Associação Voar, CNPJ 35094152/0001-85).

AVIÃO SOLIDÁRIO

O programa Avião Solidário da LATAM já alcançou a marca de 123 toneladas de doações e 102 voluntários (médicos, enfermeiros, veterinários e militares) transportados gratuitamente para a região Sul do Brasil desde 9 de maio de 2024. Esses transportes humanitários foram realizados tanto em voos comerciais da empresa para aeroportos da região quanto em voos especiais inéditos para a Base Aérea de Canoas (RS).

Há 11 anos, o programa Avião Solidário da Latam já beneficiou mais de 140 milhões de pessoas no Brasil com o transporte gratuito de mais de 4,6 mil animais e 282 milhões de vacinas contra a Covid-19 para todos os estados brasileiros.

Adicionalmente, a Latam também tem atuado no transporte gratuito de doações coletadas pelos seus parceiros no Brasil: Movimento União BR, CVC e Governo do Estado de Santa Catarina.