Atividade industrial do Brasil atinge maior nível em 5 meses em julho

São Paulo – O índice dos gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) sobre a atividade industrial do Brasil subiu para 56,7 pontos em julho – o maior nível desde fevereiro deste ano -, de 56,4 pontos em junho, segundo dados divulgados pelo instituto de pesquisas IHS Markit. A leitura, superior a 50 pontos, sugere expansão da atividade.

Segundo a diretora associada de Economia da IHS Markit, Pollyanna De Lima, no mês passado as empresas tiveram um “aumento robusto” nas vendas e isso levou ao crescimento da produção. “A força da demanda e as crenças de que tal tendência será sustentada encorajaram as empresas a aumentar seus estoques”, disse ela em um comunicado.

Os estoques de insumos aumentaram a níveis sem precedentes, atingindo o nível mais alto desde que a pesquisa começou, há pouco mais de quinze anos.

“Várias empresas indicaram uma intensificação da compra de insumos como proteção contra a escassez de estoque, mas continuaram as preocupações sobre as dificuldades na compra de itens como produtos químicos, componentes eletrônicos, metais, plásticos e têxteis”, disse Lima.

“Enquanto isso, a demanda intensa por produtos escassos aumentou mais uma vez os custos. Tanto o índice de preço de insumos quanto a inflação da produção aumentaram a ritmos mais lentos que, até então, não eram vistos na história da pesquisa antes de agosto de 2020”, acrescentou.