AstraZeneca retoma testes de vacina contra covid-19 no Reino Unido

148
Foto: Brian Hoskins / freeimages.com

São Paulo – A AstraZeneca retomou os ensaios clínicos de sua vacina experimental contra o novo coronavírus no Reino Unido, após a Agência Reguladora de Medicamentos e Produtos para a Saúde (MHRA, na sigla em inglês) britânica confirmar que era seguro fazer isso, diz a empresa em comunicado.

No dia 6 de setembro, a AstraZeneca anunciou uma pausa voluntária nos testes globais depois que um participante de um estudo no Reino Unido teve uma doença inexplicada. A pausa permitiu a revisão dos dados de segurança por comitês independentes e reguladores internacionais.

“O comitê do Reino Unido concluiu suas investigações e recomendou à MHRA que os ensaios no Reino Unido podem ser retomados com segurança”, de acordo com a nota, publicada no final de semana.

“A AstraZeneca está comprometida com a segurança dos participantes do estudo e os mais altos padrões de conduta em estudos clínicos”.

A AstraZeneca licenciou a vacina de pesquisadores da Universidade de Oxford. AstraZeneca e Oxford iniciaram um grande estudo sobre a vacina no Reino Unido na primavera [do Hemisfério Norte]. A empresa também está testando a vacina em estudos no Brasil e na África do Sul.

A AstraZeneca assinou contratos de fornecimento com o Reino Unido e os Estados Unidos que podem resultar na entrega das doses iniciais da vacina no outono [do Hemisfério Norte].

Cristiana Euclydes / Agência CMA

Copyright 2020 – Grupo CMA