XP reitera compra de ações da Petrobras após alta do petróleo

167

São Paulo – A XP Investimentos elevou o preço-alvo das ações da Petrobras de R$ 32,00 para R$ 35,00 e reiterou a recomendação de compra com a disparada dos preços do petróleo e o corte da produção da Arábia Saudita, após a reunião de ontem da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e seus aliados.

Ontem, os preços de petróleo Brent encerraram o pregão em forte alta de 4,99%, aos US$53,64/barril. A aceleração ocorre depois que a Arábia Saudita concordou em reduzir sua produção mais do que o acordado na reunião de ontem da Opep e seus aliados, liderados pela Rússia. O país irá cortar um adicional de 1,0 milhão de barris por dia de sua oferta pelos próximos dois meses.

“A forte alta reflete o otimismo com a conclusão da reunião da Opep+, na qual foi possível chegar a um consenso que agradou a todos os membros”, afirmaram os analistas da XP, em relatório.

Ontem, a Opep + decidiu manter os cortes de produção em fevereiro diante da incerteza que ronda a demanda com o agravamento da pandemia do novo coronavírus, ainda que o processo de vacinação esteja em curso em vários países.

“Vemos o anúncio da Opep+ como positivo, por sinalizar menores pressões do lado da oferta de petróleo em um momento em que há potenciais incertezas de curto prazo relacionadas a fatores como o surgimento da nova cepa do vírus causador da covid-19 e a imposição de lockdowns em países europeus como Reino Unido e Alemanha”, disse a XP Investimentos.

Os analistas também destacaram a postura do país do Oriente Médio com o equilíbrio do mercado.

“Além disso, a postura da Arábia Saudita indica um comprometimento da nação com o equilíbrio dos mercados de petróleo e uma determinação para evitar discordâncias com a Rússia, tal como observado na guerra de preços de março de 2020”, afirmou a XP Investimentos.

Na manhã de hoje, o preço do contrato futuro do Brent para março de 2021 acelerou os ganhos e chegou a subir mais de 1%, enquanto o valor do contrato WTI para fevereiro cresce em torno de 0,5%. Com isso, os papéis da estatal (PETR3 +2,00%; PETR4 +2,06%) se mantêm em alta, por volta das 11h15 (horário de Brasília).