Vendas pendentes de imóveis nos EUA caem 1,9% em junho ante maio

Foto: Eziz Charyyev / Pexels

São Paulo – O Indice de Vendas Pendentes de Imóveis Residenciais dos Estados Unidos caiu 1,9% em junho ante maio, para 112,8 pontos, segundo dados divulgados pela Associação Nacional dos Corretores de Imóveis (NAR, na sigla em inglês). A previsão era de queda de 1,3%.

Em relação a junho do ano passado, houve baixa de 1,9% nas vendas pendentes de imóveis. Segundo o economista chefe da NAR, Lawrence Yun, o preço alto ainda é o impedimento principal para o crescimento de vendas.

“A desaceleração moderada nas vendas se deve em grande parte ao grande aumento nos preços das casas”, disse Yun. “A região Centro-Oeste oferece os custos mais acessíveis para uma casa e, portanto, essa região tem visto melhores atividades de vendas em comparação com outras áreas nos últimos meses.”

As vendas pendentes referem-se a contratos que já foram assinados, mas cuja compra ainda não foi concluída. A finalização costuma acontecer de um a dois meses após a assinatura.