Vendas no varejo caem 7,7% em outubro em base anual, aponta ICVA

106
Divulgação: Logo da Cielo

São Paulo – O Indice Cielo do Varejo Ampliado (ICVA) apontou que as vendas do setor em outubro caíram 7,7% em relação ao mesmo período do ano passado, já descontada a inflação do período. Em termos nominais, sem ajuste, a queda foi de 1,6%.

Apesar da retração, o mês de outubro foi o sétimo seguido de recuperação das vendas. O destaque positivo foi a aceleração de setores como alimentação (bares e restaurantes) e veterinárias e pet shops. De outro lado, os setores de materiais de construção e automotivo apresentaram desaceleração.

“O ritmo de recuperação do varejo diminuiu em outubro, apesar dos segmentos mais afetados no começo da pandemia, como Bares e Restaurantes, e Turismo e Transporte, continuarem mostrando redução nas quedas”, afirma o superintendente-executivo de Inteligência da Cielo, Gabriel Mariotto.

Ao ponderar o Indice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) pelos setores e pesos do ICVA, a inflação no varejo ampliado foi de 6,4% em outubro, uma aceleração ante agosto. O IPCA apresentou alta de 0,86% no mês passado.

No mês passado, os setores de bens duráveis e semiduráveis tiveram alta nas vendas, com destaque para o seguimento de vestuário, e bens não duráveis, com destaque no setor de alimentação.

A exceção foi o macrosetor de bens não duráveis, que desacelerou em outubro, puxado pelo setor de drogarias e farmácias.