Trump sanciona o maior pacote de estímulos da história dos EUA, de US$ 2,2 trilhões

346
O presidente norte-americano, Donald Trump, assinando medida na Casa Branca / Foto: Casa Branca

São Paulo – O pacote de estímulos de US$ 2,2 trilhões foi sancionado pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que espera que a ajuda possa trazer alívio às empresas, trabalhadores e famílias norte-americanas que sofrem os efeitos colaterais da pandemia do novo coronavírus.

“Acabei de assinar a legislação, que é o maior pacote de ajuda econômica da história norte-americana – duas vezes maior do que qualquer lei de assistência já aprovada. Com US$ 2,2 trilhões, esse projeto fornecerá alívio urgentemente necessário para as famílias, trabalhadores e empresas de nossa nação”, disse Trump no Twitter.

Segundo Trump, os recursos apoiarão pequenas e grandes empresas, que poderão continuar pagando os salários de seus funcionários por mais quatro meses, assim como governos estaduais e locais, que terão condições de levantar e manter instalações hospitalares para cuidar dos doentes pela covid-19.

“Quero agradecer os republicanos e os democratas por colocarem suas diferenças de lado e pensarem na população. Esse pacote ajudará a manter a economia funcionando”, disse Trump em declarações à imprensa após a assinatura da legislação.

O projeto de lei, aprovado na Câmara dos Deputados hoje e no Senado na quarta-feira, é o maior pacote de ajuda econômica nos Estados Unidos da história e estenderá a ajuda a muitos norte-americanos em dificuldades por meio de pagamentos diretos e de seguro-desemprego.