Trump pode declarar emergência nacional por coronavírus

400
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. Foto: Divulgação/ Casa Branca

São Paulo – O presidente norte-americano, Donald Trump, disse que pode declarar emergência nacional por conta do surto do novo coronavírus, medida que liberaria milhões de dólares em ajuda para governo locais para lidar com a pandemia.

“Tenho poderes para isso e posso fazê-lo quando for necessário, o que não sei se é o caso ainda”, disse Trump em declarações a repórteres na Casa Branca.

O governo norte-americano está sendo pressionado por uma resposta mais efetiva ao novo coronavírus, já que especialistas temem que o surto sature os hospitais e não haja kits de teste suficientes para detectar a doença.

Questionado sobre a proibição de ontem do governo para viagens à Europa, Trump disse que pode ampliar a medida para além de 30 dias.

“É algo que pode acontecer ou não. Estamos avaliando”, afirmou ele, acrescentando que não consultou autoridades europeias antes de adotar a decisão porque “levaria muito tempo”.

Falando a repórteres, o presidente norte-americano reforçou que o governo está preparando medidas para mitigar os efeitos da pandemia sobre a economia norte-americana, com foco em empresas e nos trabalhadores.

No entanto, Trump se mostrou contrário à legislação da Câmara dos Deputados sobre o coronavírus. “Os democratas estão inserindo questões que não estão ligadas à situação atual e ao combate ao vírus”, disse.

Como um último conselho, Trump recomendou o adiamento das Olimpíadas de Tóquio, previstas para 24 de julho a 9 de agosto. “É melhor adiar por um ano do que realizar o evento sem plateia”, afirmou.