Trump diz que declarações que levaram a invasão do Capitólio foram apropriadas

141
O ex-presidente dos Estados Unidos, Donald Trump / Foto: Casa Branca

São Paulo – O presidente norte-americano, Donald Trump, defendeu as declarações que fez em um comício na semana passada e que levaram seus apoiadores a invadir o prédio do Capitólio na quarta-feira passada.

“As declarações que eu fiz foram apropriadas”, disse ele nas primeiras declarações à imprensa depois do episódio em Washington, DC.

Na ocasião, Trump pediu que seus apoiadores marchassem até o Capitólio, onde deputados e senadores estavam reunidos para certificar a vitória de Joe Biden nas eleições de 3 de novembro, e contestassem o resultado do pleito.

As pessoas atenderam ao chamado de Trump e o que foi visto depois foram imagens de depredação, violência e confronto com a polícia. Como resultado do ataque ao Capitólio, quatro pessoas morreram.

Horas depois da invasão, Trump gravou uma mensagem em vídeo agradecendo o apoio e pedindo para as pessoas voltarem para a casa. Os democratas do Congresso, no entanto, não ignoraram os comentários do presidente no comício e iniciaram nesta semana uma movimentação para o processo de impeachment de Trump.

Sobre isso, ele disse aos repórteres que é a “continuação da maior caça às bruxas da história da política”. Trump afirmou ainda que a ação de impeachment estava “causando uma raiva tremenda”.

Ele também pediu “que não haja violência”, já que as preocupações aumentam sobre a possibilidade de protestos mais violentos em torno do dia da posse de Joe Biden, marcada para o próximo dia 20.