Vale assina acordo para venda da Vale Nova Calêdonia

170

São Paulo – A Vale informou que sua subsidiária Vale Canada Limited (VCL) assinou um acordo vinculante de opção de venda de sua participação da Vale Nova Caledônia (VNC).

Em novembro, a Vale anunciou um período de exclusividade para negociações com um consórcio formado em uma nova empresa chamada Prony Resources, liderada pela atual administração e funcionários da Vale Nova Caledônia e apoiada pelas autoridades caledonianas e francesas com a Trafigura como acionista minoritária.

Segundo a empresa, o acordo sinaliza o sucesso das discussões sobre a transição e continuidade das operações da VNC da VCL para uma nova estrutura societária com participação doméstica significativa e que leva em consideração os objetivos de responsabilidade social e ambiental.

“A transação proposta, com conclusão prevista para o primeiro trimestre de 2021 e para a qual uma reserva de US$ 500 milhões será refletida nas demonstrações financeiras consolidadas da Vale, está sujeita a consulta ao conselho de trabalhadores da VNC e outras condições, incluindo aprovações pelas autoridades caledonianas e do estado francês”, disse a empresa em comunicado na CVM.