Setor privado dos EUA cria 117 mil vagas em fevereiro, segundo pesquisa ADP

Foto: Freeimages.com/ Mokra

São Paulo — O setor privado dos Estados Unidos criou 117 mil vagas de trabalho em fevereiro, excluindo o setor rural, de acordo com relatório publicado pela Automatic Data Processing (ADP) e pela Macroeconomic Advisers.

Analistas esperavam a criação de 225 mil vagas. O número de vagas criadas em julho foi revisado para cima, de 174 mil para 195 mil.

Os dados indicam que as pequenas empresas, que têm menos de 50 funcionários, abriram 32 mil vagas em fevereiro. As médias (de 50 a 499 empregados) geraram 57 mil vagas e as grandes, que contam com 500 trabalhadores ou mais, criaram 28 mil vagas.

Na divisão por setores, a indústria – que inclui manufatura, construção e mineração – fechou 14 mil postos de trabalho, enquanto o setor de serviços criou 131 mil. Entre os segmentos industriais, as manufaturas encerraram 14 mil vagas em fevereiro, as empresas de extração e mineração criaram 3 mil postos de trabalho e o setor de construção fechou 3 mil posições.

“O mercado de trabalho continua apresentando uma recuperação lenta em todas as áreas”, disse Nela Richardson, economista-chefe da ADP. “Estamos vendo empresas de grande porte sentindo cada vez mais os efeitos da covid-19, enquanto o crescimento do emprego no setor de produção de bens é interrompido. Com a pandemia ainda no comando, o setor de serviços permanece bem abaixo de seus níveis pré-pandêmicos; no entanto, este setor é o que provavelmente se beneficiará mais ao longo do tempo com reaberturas e aumento da confiança do consumidor.”