Setor comemora medidas e aguarda detalhamento de linha de crédito

135
Foto Divulgação/Aeroportos Brasil Viracopos

São Paulo – A Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear) avaliou como positiva o anúncio feito pelo governo federal para minimizar o impacto da pandemia no novo coronavírus na aviação brasileira. Para o presidente da entidade, Eduardo Sanovicz, agora o setor espera pela linha de crédito.

“As medidas são positivas e estão na direção correta, neste momento em que enfrentamos a maior crise da história da aviação comercial. Entendemos que foi anunciado o que é possível fazer neste cenário atual, onde as empresas aéreas precisam de alívio de caixa. Entramos numa nova fase, de avaliação permanente a partir da efetivação dessas iniciativas para podermos mensurar resultados e construir os próximos passos”, diz Sanovicz.

O executivo explica que agora o setor aguarda detalhamento da linha de crédito anunciada, que é vital e relevante no sentido de geração de caixa e fôlego para as aéreas.

Ontem, o governo de federal anunciou um prazo maior para reembolsos em dinheiro de passagens aéreas, pagamentos relacionados a concessões de aeroportos e remarcação de viagens, contribuições fixas e as variáveis com vencimento em 2020 poderão ser pagas até o dia 18 de dezembro deste ano, dentre outras.