Rússia deve ser reconhecida como patrocinadora de terrorismo, diz Zelensky

250
presidente da ucrânia, volodymyr zelensky
O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky. / Crédito: Wikicommons

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, fez um discurso aos participantes da cúpula do G7, o grupo dos sete países mais ricos do mundo, que vai até 28 de junho, na Alemanha.

Ele sugeriu cinco passos que podem ser benéficos para a Ucrânia, para a Europa, e para reduzir os custos pelo qual o mundo passa por conta da guerra:

1.Garantias de segurança para a Ucrânia;

2.Solicitação de armamentos modernos de defesa antimísseis e mais armas;

3.A retomada das exportações do país;

4.A Rússia deve ser reconhecida como um estado patrocinador do terrorismo, ter suas receitas petrolíferas restringidas e o confisco de todos os bens russos, que foram congelados e apreendidos;

5.Ajuda para reconstruir a Ucrânia no pós-guerra, que poderá ser um dos maiores projetos econômicos dos últimos tempos.

Segundo Zelensky, “agir imediatamente e de acordo com o plano conjunto dos líderes globais é o que realmente necessário para restaurar a paz e a estabilidade na Ucrânia e na Europa como um todo”.