Republicanos oficializam Donald Trump como candidato em novembro

216
(Official White House Photo by Tia Dufour)

São Paulo – Os republicanos oficializaram o presidente norte-americano, Donald Trump como candidato do partido para eleições de novembro em convenção realizada na Carolina do Norte, que reuniu 300 delegados em Charlotte para a votação de sua nomeação.

Em um discurso acalorado, o atual chefe da Casa Branca usou o evento para questionar a validade da próxima eleição em um momento no qual ainda segue atrás do rival democrata Joe Biden em todas as pesquisas de opinião.

“A única maneira de eles nos tirarem esta eleição é se for uma eleição fraudada”, afirmou Trump em mais uma onda de críticas da votação pelo correio.

O envio de cédulas pelos correios nos Estados Unidos é uma tradição e, majoritariamente, os democratas tendem a votar a distância. Este ano, no entanto, Trump passou a questionar o método depois que dezenas de cédulas foram enviadas para pessoas mortas ou endereços errados em estados como o da Virginia.

Trump chegou a sugerir o adiamento das eleições sob o argumento de fraude e por segurança pela pandemia do novo coronavírus, embora ele insista na reabertura das escolas. Os órgãos eleitorais norte-americanos, no entanto, não acusaram nenhuma tentativa de fraude até o momento.

O atual presidente norte-americano deve enfrentar Joe Biden, ex-vice-presidente dos Estados Unidos em 3 novembro. Biden foi confirmado candidato do Partido Democrata na semana passada e sua chapa é formada pela senadora da Califórnia, Kamala Harris, a primeira mulher negra a ser indicada para o posto no país.