RADAR DO DIA: Viés é positivo, embora desdobramento político possa pesar

176
Foto: Krzysztof Baranski / freeimages.com

São Paulo – Diferentemente do visto ontem que os mercados ao redor do globo fecharam mistos, reagindo à decisão do banco central chinês de manter as taxas de juros para empréstimos, avanço da pandemia do coronavírus em algumas regiões e a reabertura econômica nos Estados Unidos, neste segundo pregão o viés é majoritariamente positivo.

Lá fora, os mercados reagem de forma positiva a notícia de que o governo de Donald Trump garantiu que a fase 1 do acordo comercial com a China continua em vigor, além da divulgação dos PMIs na Euorpa que vieram melhor que o esperado, com o setor de serviços e industrial da Alemanha subindo, 44,6 pontos e 45,8 pontos em junho, respectivamente.

Na zona do euro, por sua vez, a atividade industrial e o setor de serviços subiram 46,9 pontos e 47,3 pontos, respectivamente.

Ainda nos Estados Unidos, Trump voltou a realizar comício pela primeira vez desde março, enviando uma mensagem de lei e ordem e alertando contra um ataque à “nossa herança”, enquanto os protestos contra o policiamento e a injustiça racial continuam em todo o país.

Na cena local, os desdobramentos relacionados a prisão de Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio Bolsonaro pode azedar os negócios e deixar os investidores na defensiva. A principal dúvida neste caso é o fato de Queiroz ter sido encontrado num imóvel de Frederick Wassef, advogado próximo da família Bolsonaro que chegou a dizer em entrevistas à imprensa não saber onde estava o ex-assessor.

Continua no radar a operação da Polícia Federal (PF) na semana passada que cumpriu mandados de busca e apreensão relacionados ao inquérito que investiga a origem de recursos e a estrutura de financiamento de grupos suspeitos da prática de atos contra a democracia. Na segunda-feira, sob o mesmo inquérito, ocorreram prisões entre elas a de Sara Winter, identificada como uma das líderes do acampamento 300 do Brasil, em Brasília.

Diante disso, o Ministério Público Federal (MPF) determinou a abertura de inquérito para investigar o lançamento de fogos de artifício em direção ao prédio do STF. Também foi solicitada perícia no local a fim de identificar danos ocorridos no edifício e resguardar provas processuais.

No âmbito econômico, a ata do Comitê de Política Monetária (Copom) ponderou que a reação dos governos e bancos centrais das principais economias mundiais tem apresentado coordenação e dimensão inéditas, mitigando parcialmente os impactos econômicos causados pela pandemia de coronavírus.

Além disso, o colegiado reafirmou seu compromisso com a meta para inflação estabelecida pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), que é de 4% neste ano, com intervalo de tolerância de 1,5 ponto percentual (pp) para cima ou para baixo.

Em relação à pandemia causada pelo novo coronavírus, o número de mortes no mundo está em mais de 472 mil pessoas, de acordo com a contagem da universidade norte-americana Johns Hopkins, enquanto o número de casos no mundo já ultrapassou 9,1 milhões de infectados. O Brasil possui 1,111 milhão de casos confirmados, enquanto 51,407 mil pessoas morreram por causa da doença.

Ontem, o Ibovespa encerrou em queda de 1,28%, aos 95.335,96 pontos, após quatro pregões seguidos de alta, em meio ao aumento de casos de coronavírus e receio de novos impactos negativos na economia.

Nesta manhã, os contratos futuros de ações dos Estados Unidos mostram uma abertura no campo positivo, com os investidores reagindo a reabertura econômica no país, mesmo diante de novos surtos do coronavírus no país, e a afirmação de que a fase 1 do acordo com a China continua em vigor

Na Europa, as principais bolsas operam em alta refletindo a divulgação de indicadores que vieram acima do esperado e a reabertura econômica, embora o avanço da doença em algumas regiões continue no radar.

Na Ásia, os principais índices do mercado de ações fecharam em campo positivo, depois Donald Trump afirmar que o acordo comercial com a China está mantido.

EMPRESAS

Um estudo econométrico elaborado pelo Tribunal de Contas da União (TCU) aponta que 24 empresas que aturaram na Petrobras entre 2004 a 2012 causaram prejuízo de R$ 12, bilhões, que atualizado aos dias de hoje é superior a R$ 18 bilhões. Excluindo aditivos contratuais, o valor a mais em cada contratação, em virtude do conluio, era de 14,53%.

A Petrobras disse que foi proferida sentença arbitral parcial, que não encerra o procedimento, tampouco determina o pagamento de valores em favor dos fundos de pensões Petros e Previ, na Câmara de Arbitragem do Mercado (CAM), como forma de indenização a investidores por má conduta no âmbito da Operação Lava Jato.

A WEG anunciou a compra de 51% do controle da startup Mvisia, especializada em soluções de inteligência artificial à visão computacional para a indústria, fundada em 2012 no Centro de Inovação, Empreendedorismo e Tecnologia, da Universidade de São Paulo (USP). O valor da operação não foi divulgado.

A Multiplan afirmou que suspendeu as atividades não essenciais em Canoas, no Rio Grande do Sul, após nova determinação das autoridades, devido ao coronavírus. Com isso, estão permitidos apenas serviços essenciais como supermercados, farmácias e bancos, além de operações na modalidade delivery, take-away e drive-thru.

O preço de venda de imóveis comerciais registrou queda 0,03% em maio, enquanto o preço médio de locação de salas e conjuntos comerciais subiu 0,09%, ambos em relação ao mês anterior, de acordo com o Índice FipeZap Comercial. No período, a inflação medida pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) teve variação negativa de 0,38%.

O conselho de administração da Cielo aprovou, por unanimidade, a contratação de operações de derivativos entre a companhia e o banco Bradesco no valor total de US$ 73,700 milhões.

A administradora de shopping centers Iguatemi informou que fechará o I Fashion Outlet Novo Hamburgo a partir de amanhã devido à evolução da pandemia do novo coronavírus na região onde o empreendimento está instalado.

O conselho de administração da Ecorodovias elegeu Marco Antônio Cassou para presidir o colegiado até a assembleia geral ordinária que aprovará o exercício social que se encerrará em 31 de dezembro de 2021.