RADAR DO DIA: Ibovespa sobe e dólar recua; Privatização da Eletrobras

136
Foto: Pexels

São Paulo, SP – Os índices futuros americanos abriram o dia em queda e as bolsas europeias em estabilidade. Ontem, mais uma vez, o mercado viu o presidente do Fed, Jerome Powell, falar que não hesitará em aumentar os juros para conter a inflação nos Estados Unidos. Por outro lado, a divulgação da melhora nas vendas do varejo em abril e do emprego nos EUA mostra que a inflação alta não tem afetado a economia.

Por aqui, o Ibovespa teve sua quinta sessão positiva consecutiva e avançou 0,51. A alta foi
menor que a dos índices dos EUA, que se recuperaram após a queda dos últimos pregões. O dólar teve a maior queda diária em nove anos, recuo de 2,19%, fechando a R$ 4,94. Tudo reflexo da diminuição do número de casos de Covid-19 em Xangai. O governo chinês pretende reabrir a cidade a partir de 1 de junho.

Ontem também foi divulgado o Índice Geral de Preços 10 (IGP-10), que recuou 0,10% em maio, após uma alta de 2,48% em abril. A queda se deu pela diminuição do custo da energia elétrica, devido ao fim da cobrança extra sobre as contas de luz. O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) também caiu, 0,08%.

Hoje, o Tribunal de Contas da União (TCU) deve aprovar o processo de privatização da
Eletrobras, paralisada há quase um mês por pedido de vista do ministro Vital do Rêgo. A dúvida é saber se haverá tempo para que o processo todo seja encerrado ainda este ano. A governo espera que aconteça até agosto.

No setor corporativo, a Fleury celebrou Acordo de Associação para criação de uma nova
companhia em parceria com Atlântica Hospitais e Participações S.A., controlada indireta do Banco Bradesco, e Real e Benemérita Associação Portuguesa de Beneficência para coordenar o cuidado da jornada do paciente oncológico, com soluções preventivas, pesquisas clínicas e cuidado de excelência, por meio de uma solução integrada, multicanal, humanizada e centrada no paciente .

A Vale disse que cerca de 83% do níquel Classe 1 produzido pela companhia agora tem uma pegada de carbono verificada de forma independente. Os roundsde níquel de sua refinaria Long Harbour, em Newfoundland & Labrador já estão entre os de menor intensidade de carbono do mundo, com 4,4 toneladas de CO2 equivalente por tonelada de níquel.

A Petrobras divulgou recordes de processamento de petróleo do pré-sal em suas refinarias. No primeiro trimestre de 2022, em média, 65% da carga de petróleo processada nas refinarias da companhia teve origem no pré-sal brasileiro, recorde trimestral. Em fevereiro de 2022, foi atingido o recorde mensal de volume processado do pré-sal, com 66%. Em 2016, por exemplo, somente 27% da carga processada nas refinarias da companhia tinha
origem no pré-sal.

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou um projeto-piloto de
pesquisa e desenvolvimento para o desenvolvimento de “sandboxes tarifários” (metodologia de faturamento diferenciado para os consumidores), proposto pela CPFL Energia, em cooperação com 31 distribuidoras da Equatorial, Neoenergia, Energias do Brasil (EDP), Enel, Energisa e outras.