PSDB pede expulsão de deputado por aproximação ao governo

159
O plenário da Câmara dos Deputados. (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Brasília – O presidente nacional do PSDB, Bruno Araújo, informou que o partido pedirá a expulsão do deputado Celso Sabino (PSDB-PA) após a aproximação do parlamentar com o governo. Na Câmara dos Deputados há movimento de parlamentares do bloco de centrão, principalmente mais próximos ao governo federal, de mudar a liderança do governo na Casa, hoje a cargo do deputado Aguinaldo Ribeiro – aliado de Rodrigo Maia-, para Sabino.

O que indica uma possível guerra de bastidores se dá porque há algumas semanas o DEM e o MDB saíram do bloco do ‘centrão’, indicando rachadura no grupo que ostenta o maior número de cadeiras na Câmara.

A saída foi motivada principalmente pela aproximação do líder do PP, Arthur Lira, ao presidente da República, Jair Bolsonaro, o que teria tensionado a relação de Lira com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ). A explicação de Maia – que vem sendo replicada por outros líderes foi de que a mudança se daria por conta de uma rotatividade natural prevista no regimento interno da Casa.