Projeção de alta de PIB global cai para 3,2% em 2019, aponta OCDE

São Paulo – A Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) revisou para baixo sua projeção de crescimento para a economia global para este ano, para 3,2%, ante projeção anterior, de março deste ano, de alta de 3,2%, refletindo incertezas relacionadas a tensões comerciais globais. Para 2020, a projeção foi mantida em alta de 3,4%.   

“O impulso global enfraqueceu-se acentuadamente e o crescimento deverá permanecer abaixo da média, na medida em que as tensões comerciais persistem. O comércio e o investimento abrandaram acentuadamente, especialmente na Europa e na Ásia. A confiança das empresas e dos consumidores falhou, com a contração da produção industrial”, diz a OCDE.

Entre os principais riscos à economia global, a OCDE destaca que novas tensões entre os Estados Unidos e a China podem reduzir em mais de 0,6 ponto percentual (pp) o PIB global em dois ou três anos. Além disso, a desaceleração na indústria deve se espalhar para o setor de serviços, que tem se mantido resiliente até então.

A China também continua sendo uma fonte de preocupação. “A implementação de ferramentas monetárias, fiscais e parafiscais não apenas tem efeitos incertos sobre a atividade, mas pode continuar a alimentar a dívida corporativa não financeira, já em um nível recorde”, diz o relatório. A OCDE prevê que a menor demanda doméstica na China por dois anos pode reduzir o PIB global em 1 pp no segundo ano.

Por fim, a OCDE alertou para o aumento da dívida do setor privado nas principais economias globais. “O estoque global de títulos corporativos não financeiros quase dobrou em termos reais em comparação com 2008, próximo a US$ 13 trilhões, e a qualidade da dívida vem se deteriorando, incluindo um aumento no estoque de empréstimos alavancados. Um novo surto de estresse financeiro poderia entrar em erupção”.

Cristiana Euclydes

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com