Presidente da Pilgrim’s inicia licença para se defender de acusações

161
Foto Divulgação: Pilgrim’s Pride

São Paulo – A JBS disse que o presidente da subsidiária Pilgrim’s Pride, Jayson Penn, iniciou a licença remunerada para se concentrar em sua defesa da qual ele é acusado pelo órgão antitruste District Court of Denver, no Colorado, além de dois ex-funcionários e um atual de conspiração para suprimir e eliminar a concorrência.

Para seu lugar, o conselho da companhia indicou de forma interina Fabio Sandri, que está na empresa desde 2011 como diretor Financeiro.

A acusação contra Penn alega que ele e os ex-funcionários e funcionário supostamente se envolveram em fraude em licitações, fixando preços e tomando outras condutas anticompetitivas na venda de frangos de corte no mercado norte-americano. Penn se declarou inocente das acusações.