PMI industrial dos EUA sobe a 39,8 pontos em maio em leitura preliminar

131

São Paulo – O índice dos gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) sobre a atividade industrial dos Estados Unidos sobiu para 39,8 pontos em maio, seu maior nível em dois meses, depois de atingir 36,1 pontos em abril, segundo dados preliminares publicados pelo instituto de pesquisas IHS Markit.

Analistas esperavam alta para 39,0 pontos em maio. Números acima de 50 pontos sugerem expansão da atividade, enquanto valores menores sugerem contração. O PMI que mede apenas a produção do setor industrial subiu para 34,1 pontos em maio, de 28,8 pontos em abril.

Os dados mostram que a deterioração foi liderada pela queda na produção e nos novos pedidos, além dos empregos, que caíram em uma rapidez histórica. A maioria está reduzindo os preços de venda com a expectativa de aumentar as vendas assim que possível.

Para o economista chefe em negócios da IHS Markit, Chris Williamson, “a pesquisa indica que o colapso econômico parece ter atingido o pico em abril. Na ausência de uma segunda onda de infecções por covid-19, o declínio deve moderar-se ainda mais nos próximos meses, pois as medidas tomadas para conter o coronavírus estão sendo constantemente suspensas”.