PMI do setor industrial da China cai a 50,4 pontos em julho, diz governo

Foto: Freeimages.com/ Martin Boulanger

São Paulo – O índice dos gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) sobre a atividade industrial da China caiu para 50,4 pontos em julho, no sétimo mês seguido de queda, após os 50,9 pontos de junho, segundo dados divulgados pelo departamento oficial de estatísticas do país.

Leituras acima de 50 pontos sugerem expansão da atividade, enquanto valores menores apontam contração. O subíndice que mede apenas a produção das indústrias caiu de 51,9 pontos para 51,0 pontos, enquanto o componente de novos pedidos de exportação recuou de 48,1 pontos para 47,7 pontos.

O recente recorde de chuvas na região central da China e no delta do rio Yangtze provocou inundações e afetou cadeias de abastecimento, com a escassez de energia em algumas cidades restringindo a produção. Já a demanda externa foi reduzida na medida em que a situação da pandemia piorou no exterior.

Na sexta-feira, o Politburo, o principal órgão de tomada de decisões do Partido Comunista da China, disse que a recuperação econômica do país não é sólida e permanece desigual, prometendo manter as operações econômicas “dentro de um intervalo razoável” e manter estabilidade nas políticas macroeconômicas para este ano e no próximo.