PMI de serviços dos EUA cai a 54,9 pontos em setembro após revisão

Foto: FreeImages.com / Ben Shafer

São Paulo – O índice dos gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) sobre a atividade do setor de serviços dos Estados Unidos caiu a 54,9 pontos em setembro, de 55,1 pontos em agosto, de acordo com dados revisados divulgados pelo instituto de pesquisas IHS Markit.

Os analistas esperavam 54,9 pontos em setembro. A leitura preliminar havia mostrado 54,5 pontos. Números acima de 50 sugerem expansão da atividade, enquanto valores menores apontam contração.

O PMI composto, que agrega dados dos segmentos industrial e de serviços, caiu para 55,0 pontos em setembro, de 55,4 pontos em julho. A leitura preliminar havia mostrado 54,5 pontos.

“O setor de serviços deu mais sinais de dificuldade em meio a onda da variante Delta em setembro. Enquanto a atividade de serviços está crescendo a uma taxa em linha com a média de longo prazo observada antes da pandemia, isso representa uma marcada redução de marcha a partir dos meses de primavera e verão” locais, disse o economista-chefe de Negócios do IHS Markit, Chris Williamson.

Segundo ele, o alto número de casos de vírus diminuiu a demanda para muitos serviços, especialmente entre os consumidores em hospitalidade, e a pandemia continua atingindo o mercado de trabalho. “A situação em termos de demanda e a oferta de trabalho deve começar a melhorar à medida que avançamos para o quarto trimestre”.