PMI de atividade industrial da eurozona sobe para 62,4 pontos em março

Foto: União Europeia (UE)

São Paulo – O índice dos gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) sobre a atividade industrial da zona do euro subiu para 62,4 pontos em março, recorde de alta desde 1997, depois de ter marcado 57,9 pontos em fevereiro, de acordo com dados preliminares divulgados pelo instituto de pesquisas IHS Markit.

Leituras acima de 50 pontos sugerem expansão da atividade, enquanto valores menores apontam contração. O PMI que mede apenas a produção do setor industrial da eurozona avançou para 63,0 pontos em março, depois de marcar 57,6 pontos em fevereiro.

“A economia da zona do euro superou as expectativas em março, mostrando uma expansão muito melhor do que a prevista graças principalmente a um aumento recorde na produção industrial”, disse o diretor associado do IHS Markit, Phill Smith, citando clientes adaptados à vida durante uma pandemia e as perspectivas permaneceram relativamente otimista..

“O aumento da demanda por produtos industriais ocorre enquanto as cadeias de abastecimento são alongadas em uma extensão sem precedentes, por sua vez, elevando os custos para sue maior nível em uma década”, acrescentou Smith.