PMI de atividade industrial da eurozona sobe para 46,9 pontos em junho

181

São Paulo – O índice dos gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) sobre a atividade industrial da zona do euro subiu para 46,9 pontos em junho, maior nível em quatro meses, depois de ter marcado 39,4 pontos em maio, de acordo com dados preliminares divulgados pelo instituto de pesquisas IHS Markit.

Leituras acima de 50 pontos sugerem expansão da atividade, enquanto valores menores apontam contração. O PMI que mede apenas a produção do setor industrial subiu para 48,2 pontos em junho, depois de marcar 35,6 pontos em maio.

A produção caiu novamente em junho, ligada à deterioração de novos pedidos e consequentemente de pedidos em carteira. “A pandemia foi novamente de longe a causa mais citada”, diz a pesquisa.

As taxas de deterioração, porém, moderaram-se. “As medidas de contenção contra a covid-19 afrouxaram-se consideravelmente na zona do euro durante o mês, ajudando muitas empresas a reabrir e dirigir a demanda aprimorada por muitos bens e serviços”.

O processo de reabertura ajudou também o sentimento para os próximos meses, com os otimistas excedendo os pessimistas pela primeira vez em quatro meses. Os empregos, porém, continuaram sendo cortados, ainda que a taxas mais moderadas.