Petrobras aumenta preço do GLP em 5%

O preço médio da estatal repassado às revendedoras será equivalente a R$ 33,89 por botijão

187
A Refinaria Presidente Getúlio Vargas (Repar). (Foto: André Valentim/Agência Petrobras)

São Paulo – A Petrobras aumentou em 5% o preço médio do gás liquefeito de petróleo (GLP), o gás de cozinha, valor que equivale a R$ 1,61 por botijão de 13 quilos. Com isso, o preço médio da estatal às revendedoras será equivalente a R$ 33,89 por botijão de 13 kg.

Segundo a estatal com base em dados da ANP de 25 a 31 de outubro, 43% do preço ao consumidor final correspondiam à parcela da Petrobras e os demais 57% traduzem as parcelas adicionadas ao longo da cadeia até clientes finais e referem-se a tributos e margens brutas de distribuição e revenda.

A metodologia de precificação de GLP adotada pela empresa segue a dinâmica de commodities em economias abertas, que tem como referência o preço de paridade de importação, formado pelo valor do produto no mercado internacional, mais os custos que importadores teriam, como frete de navios, taxas portuárias e demais custos internos de transporte para cada ponto de fornecimento, e acompanha os movimentos do mercado internacional, para cima e para baixo, disse a empresa, em nota.