Pedro Castillo é declarado presidente eleito do Peru

595

Buenos Aires – O Plenário do Júri Nacional de Eleições (JNE) do Peru proclamou ontem que Pedro Castillo, do Peru Libre, é o novo presidente do país com 50,126% dos votos válidos após o segundo turno eleitoral de 6 de junho. O anúncio foi feito após mais de um mês de análises de pedidos de nulidade apresentados pela Fuerza Popular, de Keiko Fujimori, que obteve 49,874% dos votos.

Segundo comunicado do JNE, dos 25.287.954 cidadãos aptos a voto, um total de 18.856.802 votaram. Do total, 17.628.497 foram declarados válido, 121.489 em branco e 1.106.816 nulo.

O JNE indicou que a lei geral registra as informações fornecidos pelos 60 Júris Eleitorais Especiais instalados ao longo do país, após ter resolvido todas as observações sobre os registros eleitorais, as objeções ao voto e os pedidos de anulação após reclamações de forças políticas.

Na proclamação do resultado, realizada por meio de cerimônia virtual, presidido pelo titular do JNE, Jorge Luis Salas Arenas, a entidade informou que a data e local de entrega do as respectivas credenciais para ao partido presidencial vencedor.

 

Tradução: Cristiana Euclydes