Pandemia levou Estados Unidos a cancelaram reunião com a China

138
O vice-primeiro-ministro da China, Liu He, ao lado do presidente norte-americano, Donald Trump, na Casa Branca / Foto: Shealah Craighead/ Casa Branca

São Paulo – Os Estados Unidos adiaram as conversas com a China pelo comportamento de Pequim com relação à pandemia do novo coronavírus, disse o presidente norte-americano, Donald Trump, durante evento em Yuma, Arizona.

“Adiei as negociações com a China”, afirmou ele. “Não quero falar com os chineses agora. O que a China fez a este país e ao mundo é impensável. Cancelei as negociações com a China”, acrescentou.

Autoridades norte-americanas deveriam se reunir com autoridades chinesas no sábado passado para revisar a primeira fase do acordo comercial firmado entre as duas maiores economias do mundo em janeiro.

Na tarde da sexta-feira, a reunião foi cancelada sem justificativa e também sem uma nova data para acontecer.

“Se sonolento Joe Biden vencer, os chineses assumiriam o controle dos Estados Unidos porque Biden daria tudo para eles. Ele não é inteligente. Ele é fraco”, acrescentou Trump no evento.