Orientação sobre uso de cloroquina tem apoio de conselhos do setor de saúde, diz Élcio Franco

112
Imagem microscópica do coronavírus
Imagem microscópica do coronavírus causador da COVID-19. (Foto: C.S. Goldsmith e A. Tamin/CDC)

Brasília – O secretário executivo substituto do Ministério da Saúde, Élcio Franco, afirmou que a orientação sobre o uso precoce da cloroquina e hidroxicloroquina no tratamento da covid-19 foi apoiada por conselhos do setor da saúde.

“Houve a participação de vários técnicos do ministério, que vem sendo feito há um bom tempo, compactuado com conselhos, e têm uma larga fonte de referências”, afirmou em coletiva a jornalistas.

O governo brasileiro modificou o protocolo de tratamento da covid-19 para prever que a cloroquina seja usada no tratamento de pacientes em todas as fases da doença, e não apenas na etapa mais grave.

Segundo o novo protocolo, a cloroquina ou a hidroxicloroquina poderão ser usadas em conjunto com a azitromicina a partir do momento em que os pacientes apresentarem sintomas leves de covid-19.

O conjunto de medicamentos é o mesmo para pacientes com sintomas moderados, e para os que estão em estado grave está autorizado o uso somente da hidroxicloroquina associada à azitromicina.