Oi prevê receita líquida da Nova Oi entre R$ 14,8 bi e R$ 15,5 bi

Foto divulgação: Oi

São Paulo – A Oi, em recuperação judicial, divulgou seu plano estratégico para o triênio 2022-24, com foco na transformação da Nova Oi, as propostas vencedoras nos processos competitivos para a alienação das principais UPIs e considerando a separação estrutural previstas no aditamento ao plano de recuperação judicial.

A Oi prevê receita líquida da Nova Oi entre R$ 14,8 bilhões e R$ 15,5 bilhões, um ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) entre R$ 1,9 bilhão e R$ 2,3 bilhões. Capex/receita líquida de 7,8%. Dívida líquida/ebitda de 6,6 vez.

“A empresa buscará um modelo de negócios sustentável através da aceleração das receitas dos negócios core e implementação de novas fontes de receita, da readequação da sua estrutura de custos, do equacionamento da concessão e do desenvolvimento da InfraCo, com o objetivo de ser líder em soluções digitais e conexões de fibra ótica que melhorem a vida das pessoas e empresas em todo o país”, disse a Oi em comunicado.

Bruno Soares / Agência CMA

Copyright 2021 – Grupo CMA